Jesus quer salvar os cristãos

Publicado: 19/02/2013 em Missão

Em um mundo em que existem 27 milhões de escravos,

em um mundo em que 840 milhões de pessoas irão para a cama com fome nesta noite por falta de condições financeiras para fazer uma refeição,

em um mundo em que 1 milhão de pessoas cometem suicídio todos os anos,

em um mundo em que hoje quase 4,5 mil pessoas morrerão de Aids na África,

Jesus quer salvar nossa igreja do exílio da irrelevância. […]

Depressed Businessman Sitting on Stairs

As Escrituras hebraicas têm uma mensagem muito simples e muito direta:

Deus sempre ouve o clamor do oprimido;

Deus importa-se com o sofrimento humano e as condições que o provocam.

Deus está à procura de um corpo, uma comunidade de pessoas interessadas naquilo pelo qual Se interessa.

Deus outorga poder e bênçãos para que justiça e retidão sejam defendidas por aqueles aos quais foram negadas.

Deus é assim. Isso é ser Deus. Quem Ele é.

world-cross-shadow

Esquecer isso – deixar de ouvir o clamor, preservar a abundância à custa do impotente –, é não entender o que Deus tem em mente.

No auge do poder, Israel interpretou errado as bênçãos de Deus, dando-lhes o sentido de favoritismo e concessão de direitos. Tornou-se indiferente a Deus e ao chamado sacerdotal que recebera com o intuito de trazer libertação às pessoas.

Existe uma palavra para isso. Uma palavra para nomear o que acontece quando você ainda detém poder, riqueza e influência, mas, de um modo profundo, pôs tudo a perder esquecendo-se do motivo pelo qual tais coisas lhe foram dadas.

A palavra é exílio.

EXILIO

Exílio é quando você esquece sua história.

Exílio não tem que ver apenas com localização, mas com o estado da sua alma.

Exílio é quando você deixa de converter suas bênçãos em bênçãos para os outros.

Exílio é quando você se descobre um estranho para os propósitos de Deus. […]

Se tivermos quaisquer recursos,

qualquer poder,

qualquer voz, qualquer influência,

qualquer energia,

devemos convertê-los em bênção para quem não tem nenhum poder,

nenhuma voz,

nenhuma influência. […]

Arte de conviver

O ato de ir assumirá uma multidão de formas.

Será movimento,

ação,

vida.

Envolverá risco,

significará conversar com pessoas nada parecidas conosco,

é provável que implique questionamentos, crítica e até rejeição da parte de quem não

ouviu o que ouvimos. […]

Não se trata apenas de tentar salvar o mundo.

Trata-se de salvar a nós mesmos.

Do reino do conforto.

Da prioridade da indiferença.

De um exílio de irrelevância. – Rob Bell, Jesus quer salvar os cristãos (São Paulo: Editora Vida, 2009), p. 198-199, 50-51, 199-201.

jesus-of-nazareth

O conteúdo de Isaías 58 deve ser considerado uma mensagem para este tempo, mensagem a ser dada sempre e sempre. […]

Somente pela manifestação de interesse altruísta pelos que estão em necessidade é que podemos dar uma demonstração prática das verdades do evangelho.  […] Palavras de bondade, simpatia e amor devem testemunhar pela verdade. […]

A verdadeira simpatia entre o ser humano e seu semelhante deve ser o sinal de distinção entre os que amam a Deus e os que são indiferentes à Sua lei. – Ellen White, Beneficência social, p. 29, 32.

Os últimos raios da luz misericordiosa, a última mensagem de graça a ser dada ao mundo, é uma revelação do caráter do amor divino. – Ellen White, Parábolas de Jesus, p. 415.

Anúncios
comentários
  1. Acho que colabora para o exílio a ascensão do egoísmo e do individualismo. Os cristãos estão copiando a sociedade que os rodeia e deixaram de “incomodar” o mundo a ponto de não serem mais perseguidos(cita Leonard Havenhill), já que há adaptabilidade ao padrão secular quanto ao estilo de vida.
    Por isso um reavivamento seguido de reforma trará tanto incomodo para o mundo e junto a si, perseguição.

    Enfim, nosso cristianismo será desconfortavelmente relevante para o mundo. Hoje, somos apenas um grupo isolado que mal compreende a salvação pela graça.

    Mas as profecias se cumprirão, e sairemos do exílio de uma vez por todas. Ah, e como sairemos… Por JESUS!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s